Vieses inconscientes: saiba como combatê-los

Vieses inconscientes

Um dos principais fatores que deixam candidatos com uma experiência negativa no processo de recrutamento e seleção são os vieses inconscientes, além de fazer a empresa perder talentos por preconceitos estruturais. Isso acontece, principalmente, quando a seleção é feita pelo feeling ou intuição. Continue lendo e entenda melhor o que são vieses inconscientes e como evitá-los.

O que são vieses inconscientes?

São considerados vieses inconscientes aqueles preconceitos, estereótipos ou decisões tendenciosas relacionadas a um tema ou grupo social. Esses vieses passam a ser discriminatórios quando afetam grupos minorizados e diminuem suas chances de recrutamento.

Esses pensamentos tendenciosos podem ser contra ou a favor de determinado grupo de pessoas, seja por conta de estereótipos sociais generalizados, cultura, faixa etária, etnias, raças, gênero, orientações sexuais, classes sociais, entre outras questões que não definem alguém de fato, mas acabam formando uma impressão nos recrutadores que, às vezes, sem que percebam, agem a partir dos vieses discriminatórios.

Dessa forma, a decisão no recrutamento é tomada com base nos próprios julgamentos dos recrutadores, a partir de visões disfarçadas de intuição. Nesse sentido, quando se fala dos profissionais de RH, esse pensamento automático pode desencadear decisões erradas e injustas.

É fato que qualquer um pode ser suscetível a se deixar levar por vieses inconscientes, pois o ser humano erra em julgamentos. No entanto, é necessário reconhecer que isso é incorreto, identificar situações desse tipo e evitá-las, a fim de que não se repita e de que a postura profissional nos recrutamentos seja justa.

Qual a importância de combater os vieses inconscientes?

A função do RH é ajudar a construir um local de trabalho mais diversificado e inclusivo na empresa. Entretanto, quando as seleções são influenciadas pelos vieses inconscientes, as escolhas feitas para aquisição de vagas, promoções de liderança e avaliações de desempenho, por exemplo, são incoerentes.

Portanto, a empresa não se desenvolve na velocidade que poderia pela falta de um recrutamento eficiente, onde não é analisado um contexto geral e as decisões não são tomadas com embasamento na lógica, na justiça e na razão.

Como identificar os vieses inconscientes?

Já analisamos a importância de tomar consciência dos vieses inconscientes para que sejam tomadas medidas que os eliminem do recrutamento. Por isso, confira os 5 principais tipos de vieses inconscientes:

Afinidade

Recrutadores estão suscetíveis a esse viés quando preferem e priorizam uma pessoa na seleção só porque é mais parecida com eles. E aqui podemos incluir questões ideológicas, de atitudes, aparência, religião e diversos outros aspectos.

Estereótipo

Nesse viés específico entre os vieses inconscientes, recrutadores se baseiam em generalizações para tomar uma decisão. Um exemplo extremamente comum está nas situações em que mulheres são desconsideradas em cargos ou funções apenas por serem mulheres, onde o cargo é tradicionalmente atribuído à homens.

Porém, tal viés de estereótipo vai além de gênero, abrangendo questões de raça, sexualidade e cultura, idade, etc.

Aparência

Este viés foca em aspectos físicos como prioridade, ou seja, os padrões de beleza favorecem mais do que a qualificação profissional do candidato. Podemos incluir aqui o modo de se vestir, peso, textura do cabelo e muito mais. O preconceito pode até se mostrar de maneira sutil, mas os impactos são imensos.

Maternidade

É uma questão ligada ao preconceito de gênero, mas que também ultrapassa esse fato. Esse viés parte do pressuposto de que a maternidade afeta negativamente a produtividade, capacidade e até comprometimento profissional da mulher.

Confirmação

Crenças pré-estabelecidas no subconsciente do recrutador, que podem nem ser reais, são “confirmadas” no seu entendimento. Ao invés de absorver todas as informações com a mesma atenção, o ser humano tende a buscar e dar importância apenas às informações que confirmam seus pensamentos.

5 medidas para combater os vieses inconscientes

É importante identificar as formas que os vieses inconscientes se manifestam no contexto corporativo. Quando os trabalhadores não sentem segurança e acolhimento no ambiente de trabalho, isso impacta na diversidade das empresas e na produtividade dos funcionários.

A ausência de políticas inclusivas é um dos principais fatores da precariedade na retenção de talentos de uma empresa. Dessa forma, é necessário que o RH identifique comportamentos preconceituosos e garanta que os funcionários sejam tratados com respeito e dignidade.

Para isso, veja medidas para combater os vieses inconscientes:

Desafie-se

A partir do momento em que você reflete sobre o assunto, é capaz de enxergar sua importância e de encontrar medidas para mudar certas atitudes. Comece por você, como um líder, a encarar os vieses inconscientes de frente e a desafiar suas crenças internas.

Desenvolva programas de diversidade e inclusão

Busque criar equipes práticas ou dinâmicas que levantem discussões e reflexões sobre o assunto para fazer a equipe sair da zona de conforto. Certos ideais ultrapassados precisam ser desconstruídos, pois estão enraizados desde a formação intelectual do ser humano na sociedade, então um dos melhores meios de resolver isso é por meio do debate e troca de informações.

Analise o passado

A empresa precisa ser analisada de forma crítica, é importante saber onde já houve erros para, assim, buscar acertar e se transformar. Uma maneira é comparar índices de diversidade para ser capaz de desenvolver bases mais concretas para a mudança.

Reavalie a divisão de tarefas

Procure analisar se há algum tipo de centralização de cargos para um grupo específico de pessoas dentro da empresa. Tenha o objetivo de mudar detalhes negativos que possam estar passando despercebidos.

Utilize tecnologia para combater vieses

Com o uso de inteligência artificial no processo de triagem de currículos, é possível identificar e mitigar vieses discriminatórios. Algoritmos utilizados para a seleção não só podem ocultar os dados sensíveis, como etnia, gênero, idade, etc, como também podem identificar outras características fortemente correlacionadas com esses dados e que tem o potencial de causar injustiças no processo.

Quer saber mais sobre como a aplicação de inteligência artificial pode ajudar sua empresa a criar um processo de recrutamento e seleção mais justo na sua empresa? Fale com um especialista.

Comments are closed.